Agora vai?

Seja o primeiro a comentar

Depois de 738 minutos, Rodrigo Aguirre conseguiu se livrar da pressão de marcar o primeiro gol com a camisa do Botafogo. O tento do uruguaio se deu no último domingo, diante do Sport, pelo Brasileiro, e ajudou diretamente para a vitória por 2 a 0. Além disso, trouxe um atacante alvinegro indo às redes pela primeira vez na competição nacional após a pausa para a Copa do Mundo.

Agora, a tendência é que, “mais tranquilo”, Aguirre enfim traga os frutos que o Botafogo esperava quando o contratou, em março, com o status de reforço mais badalado para a atual temporada – está emprestado até junho de 2019. Igor Rabello externou a provável evolução do atacante de 23 anos.

– Acho que o Aguirre fica mais tranquilo, ainda não tinha marcado, mas agora fez e é um jogador que vai nos ajudar bastante – salientou o defensor.

Aguirre mostrou que o gol de sábado já fez efeito para esta semana. Na última segunda-feira, em jogo-treino de reservas contra o time sub-20, iniciou como referência e foi o grande destaque da atividade: com gol e assistência.

Para o jogo contra o Grêmio, Zé Ricardo terá até sábado para decidir se escalará Aguirre ou Brenner como o camisa 9. Brenner foi titular nos dois últimos jogos e não correspondeu, portanto, caso Aguirre seja o escolhido, será uma ótima chance para o gringo apagar a imagem de indisciplinado, mostrar o seu valor e justificar o esforço do Botafogo em trazê-lo.

Fonte: Lancenet!

Lembrando que toda segunda-feira às 21:15h  tem BOTAFOGO NO AR, a melhor resenha esportiva só falando de Botafogo.
Para receber a notificação do programa ao vivo e participar durante a transmissão, se inscreva em nossa Página no YouTube e curta a página da Rádio Botafogo no Facebook.

Assista também o último Botafogo no Ar, de ontem, dia 27/08/2018 que contou com a participação da blogueira alvinegra Leilane Pereira do site Mulheres em Campo.

 

 

Publicado no dia

Deixe um comentário! 0