INACEITÁVEL

Seja o primeiro a comentar

Alô galera alvinegra! Otto na área por respeito a todos os torcedores do Botafogo. Só por vocês que vou escrever esse texto, pois esses seres que jogaram ontem não merecem sequer uma palavra. No fundo, no fundo a gente sempre soube. Quem está por amor ao Botafogo somos apenas nós. Quem entra lá dentro do gramado precisa gerar resultado. E ontem foi um daqueles dias que o profissionalismo passou longe. E o respeito com a instituição nem se fala. O que vimos ontem foi uma vergonha. Simplesmente inaceitável.

Um jogo fácil. Era só querer jogar bola. Obrigação de vencer. Era só ter o mínimo de vontade. Mas, não. No Botafogo o fácil sempre parece impossível. Nada é fácil. E agora com a chegada das eleições parece que tudo virou zona. É campanha eleitoral dentro do estádio, é técnico fazendo o que bem entende, é jogador humilhando o clube. Acontece de tudo, menos aquilo que realmente interessa.

Se os jogadores estão vendidos ou não terão contratos renovados você precisa ter um plano B pra isso. Se ele não está rendendo em campo, você precisa de outro que renda. Ninguém descobriu essas informações ontem. O que me parece é que ninguém manda lá dentro. Cada um faz o que quer.

Agora lá vou eu domingo encarar um Pacaembu em um jogo que pode ser a final para nós. A derrota (isola na madeira) deixa o são paulo perto da vaga e a gente longe. Quem ganhar essa partida, praticamente carimba um passaporte. É briga direta por essas últimas vagas que restaram. Espero que essa última partida sirva de lição. Espero que a pressão lá dentro pelos péssimos resultados recentes gere alguma atitude. Do jeito que está não pode ficar. Parece que está todo mundo aguardando o dia 25 de novembro para dar um rumo na vida. Só que para nós torcedores, o Botafogo é 24h das nossas vidas. Lutem, honrem esse manto. Isso aqui é Botafogo. Tô na área!

Publicado no dia

Deixe um comentário! 0