PERDEMOS 90 MINUTOS DO NOSSO TEMPO VENDO ESSE JOGO

Seja o primeiro a comentar

Desde o apito final contra o Corinthians, quando vencemos por 2-1, já sabíamos o que esperar para essa partida contra o Atlético MG, lá no independência. Seria um jogo amarrado, com ambos os times preocupados em não perder, sendo que o Botafogo jogaria, como jogou, da mesma forma como jogou todas as últimas partidas do Brasileiro 2016.

Sábado, com os resultados de Santos, Vasco, Flamengo e Atlético PR, alguns amigos comentavam que os resultados teriam sido excelentes para o Botafogo. Eu discordei dizendo que os resultados só seriam excelentes se o Botafogo conseguisse fazer a parte dele vencendo o Galo. Até tinha essa expectativa de vencermos o jogo dado a freguesia do nosso adversário mas, com o decorrer do jogo, o resultado já se desenhava como previsto.

Jair escalou o que teria de melhor para conseguir segurar o Galo, reforçando a marcação nas laterais e com 3 volantes na marcação. A escalação do Gilson deixava clara a preocupação de se defender bem e tentar sair em contra ataque sempre que aparecesse uma oportunidade.

Não precisávamos perder 90 minutos para saber que com esse  planejamento do Jair,  o objetivo seria esse,  e o resultado não poderia ser outro que não fosse esse empate sem gols. Aliás, depois de 7 jogos, conseguimos, pelo menos não levar gol. Desde o jogo contra o Santos, em 16/09, não ficávamos uma partida sem levar gol.

Temos uma sequência de jogos importantes para consolidarmos nossa classificação para a fase de grupos da Libertadores que será fundamental para podermos salvar o ano de 2017 e ter boas esperanças para 2018.

  • FluminenCe
  • Sport – fora
  • Atlético PR – casa
  • Atlético GO – casa

#pracimadelesfogão

 

 

 

Publicado no dia

Deixe um comentário! 1


  • Fábio Rocha disse:

    Num ponto concordo integralmente com você: a cera do Gatito me irrita profundamente e neste Brasileirão ele já está com 2 amarelos por conta disto. Fico revoltado. Quando é no Nilton Santos, então…