Redes Sociais

Colunas

Dudu Cearense diz que prefere a Arena Botafogo

Publicado

em

O Botafogo venceu o Atlético Mineiro neste domingo por 3 a 2 pela 31ª rodada e se consolidou ainda mais no G-6 do Campeonato Brasileiro. Mas, além do futebol apresentado pela equipe, o que tem sido pauta nas discussões é a importância da Arena Botafogo na arrancada do alvinegro até o quinto lugar da competição. Na vitória deste domingo, mais de 14 mil botafoguenses encheram o estádio para empurrar o time, quebrando o recorde de público da casa.

São seis vitórias, um empate e uma derrota (19 pontos de 24 possíveis) na Arena Botafogo. Mas há duas semanas o Botafogo voltou a treinar no Engenhão, e começou o mistério de quando a equipe voltará a mandar seus jogos na sua antiga casa. Autor do gol da vitória contra o Atlético Mineiro, aos 44 do segundo tempo, Dudu Cearense não quer saber do estádio para esse Brasileirão. Para o meia, a casa do Botafogo esse ano é a Arena Botafogo.

– Eu prefiro a Arena Botafogo hoje. Pelo clima, pela situação, pela empolgação, com certeza lá. Ano que vem é outra coisa. Não existe estádio ruim, não existe campo ruim, existe jogador ruim. Tem que fazer o seu melhor no campo. É ruim para o adversário e para nós também. A Arena nos deu sorte. Até porque a torcida vai. No Engenhão, a equipe treinou semana passada e evoluiu tecnicamente. O gol contra o Figueirense mesmo, foi um treinamento da semana passada que deu certo. Peguei a bola no Scarpelli e lancei para o Pimpão. Estávamos fazendo isso direto. No Engenhão, gramado lisinho, a bola não quica. Lá (na Arena), a bola quica mais ou menos. Quica um pouco mais. Nos adaptamos ao estádio da Arena Botafogo – disse Dudu, rebatendo às críticas ao gramado.

Há quatro jogos sem perder no Brasileirão, o Botafogo surpreendeu muitas pessoas com o desempenho no campeonato. O meia destacou a entrega de todos os jogadores para o bem do clube e revelou que não há vaidades no elenco alvinegro.

– (Somos o time) Mais envolvente e mais competitivo também. Todo mundo está se doando, não tem vaidade, sempre buscando o melhor para a equipe, atacando e defendendo, sempre falando no vestiário. A melhor defesa é o ataque né? Então você vê o Neílton saindo cansado para caramba, o Pimpão também sai cansado, porque se doam demais. Para nós volantes, da zaga, é maravilhoso. Agora, em uma equipe em que o ataque não defende, não faz a marcação, isso atrapalha muito a gente. A sobrecarga é muito maior. A equipe está coesa, com um clima maravilhoso. O vestiário é maravilhoso. Tudo se encaixou. Então é aproveitar. E como o Jair falou, é nossa Copa do Mundo agora. Então é aproveitar cada partida – afirmou o jogador.

Dudu Cearense disse também que o entrosamento do elenco do Botafogo não é só fora de campo. A sintonia entre eles acontece fora também. O meia também comentou o vídeo que Neílton postou em seu perfil numa rede social cantando e vibrando com os torcedores depois da vitória contra o Atlético.

– Ambiente maravilhoso. Nosso grupo é resenha demais. Essa energia é boa demais entre torcida e atleta. E isso nos passa confiança. Então torcedor gosta disso. Agradecer a todos os botafoguenses que foram à arena ontem e nos empurrou até o último minuto – concluiu.

Fonte: globoesporte.com.br/botafogo

Clique para Comentar

Newsletter

Anúncio Patrocinado

Facebook

%d blogueiros gostam disto: