Primeiro tempo custou caro

Seja o primeiro a comentar

O Botafogo iniciou a partida contra o Volta Redonda com o mesmo time titular dos últimos jogos, aquele que a torcida tanto tem reclamado e que nada tem criado no meio campo. Apesar da movimentação e maior passe de bola, no primeiro tempo o time pecou na criação e se embolou, em passes errados e posicionamento. Valencia e Pimpão, como sempre batiam cabeça, Lindoso deixava um buraco no meio, somando a uma zaga exposta a contra ataques e erros de passe.

Exatamente num erro , o Volta Redonda abriu o placar aos 22. O Botafogo por outro lado, passou a apertar e insistir em cruzamentos que só chegaram certo aos 27, com gol bem anulado de Igor Rabelo. Mas nem deu tempo de reclamar, no minutos seguinte o zagueiro marcou e de forma correta. 1×1.

Valentim tentava consertar o esquema no intervalo com a entrada de Marcos Vinicius no lugar do improdutivo Pimpão. O segundo tempo passava a ser diferente do primeiro com o meio ganhando vida e as jogadas sendo concentradas por Moises na esquerda. Com boa atuação de M. Vinicius no meio e Valencia na ponta, o chileno passou a jogar muito melhor e a bola finalmente chegava em Kieza. Chutes e cruzamentos saiam a todo momento e o gol era uma questão de tempo para acontecer, mas não acontecia.

Valentim então, deu sua última cartada. Precisando da vitória, colocou Brenner no lugar de Lindoso e jogou o time pra frente. Com uma sorte absurda, o Volta Redonda apenas torcia pelo fim do jogo. O Botafogo atacando em desespero, não conseguiu fazer o gol com chances que duraram até o último minuto de jogo e que insistindo num péssimo empate até os 49.

Agora, precisa ganhar a qualquer custo do Vasco e torcer por uma derrota da Portuguesa diante do Flamengo. Nosso técnico pagou pela insistência do primeiro tempo e o Botafogo não venceu. Que na próxima ele mude, principalmente a posição de meia. Marcos Vinicius merece a vaga e Rodrigo Pimpão precisa sair do time.

E mais uma excelente partida do Moisés.

 

Foto: Vitor Silva/SS Press/Botafogo

Publicado no dia

Deixe um comentário! 0