Redes Sociais

Bruno Antunes

ROTEIRO VINDO DOS CÉUS

Publicado

em

Não poderia ter sido diferente. Não poderia ter sido fácil. Não poderia ter sido mais perfeito!

O Botafogo se classificou após a disputa de pênaltis em que o seu goleiro reserva entrou durante a partida após lesão do titular (sendo que o verdadeiro dono da posição está afastado há quase um ano) e se classificou para a fase de grupos em uma trajetória que certamente pode se tornar um filme.

Obviamente que o filme ainda continuará sendo escrito e esperamos que o mesmo tenha o final feliz lá no fim do ano.

Após um primeiro tempo tranquilo, com o time muito bem postado em campo, seguro e com total domínio da situação, tivemos um segundo tempo completamente diferente e bem com a cara do Botafogo, sofrido até o fim.

Considero que nosso técnico foi perfeito na escalação inicial e completamente equivocado nas substituições que fez por opção. Até entendi a sua intenção de congestionar o meio e evitar os cruzamentos com as dobradinhas nas laterais como fez em 2016, porém as peças desse ano não são as mesmas do ano passado.

O Gilson está longe de ter a capacidade, as características e a qualidade do Diogo Barbosa e o Marcelo estava improvisado como lateral e com um volante apoiando seu lado, portanto, apesar da ideia ser muito boa, as peças vindas do banco não eram confiáveis e o risco enorme.

Não gostei das substituições, elas se mostraram equivocadas ao longo da partida, porém o imponderável estava ao nosso lado.

A única substituição que ele foi obrigado a fazer e que cada um de nós reclamou aos céus por queimá-la foi justamente a substituição que nos deu a vaga.

Como eu sempre digo e acredito, São Nilton Santos novamente intercedeu por nós.

Foi merecido, foi lindo, foi emocionante, foi muito Botafogo!

Vamos às avaliações dos jogadores:

– Helton Leite: Fez apenas uma grande defesa enquanto esteve em campo, mas, diferente das partidas anteriores, demonstrou segurança e saiu do gol em várias bolas alçadas à área.

– Marcelo: Mais uma partida segura e confiável do garoto. No lance do único gol que sofremos, tentou afastar e não teve sorte no lance, mas tem muito crédito e não considero que tenha falhado.

– Carli: Voltou bem de contusão e mesmo sem ritmo de jogo não pareceu abaixo dos demais. Voltou no momento certo e foi muito importante no sistema defensivo.

– Emerson Silva: Manteve seu nível de atuações seguras, sérias e importantes mesmo sem aparecer tanto pra torcida. Afastou todas as bolas que a ele chegaram e teve boa atuação novamente.

– Victor Luis: Um leão na lateral esquerda. Fez excelente primeiro tempo e caiu um pouco no segundo com a entrada do Gilson pelo seu setor. Pareceu um pouco perdido com a entrada do reserva e ficou mais recuado como um zagueiro. Jogador imprescindível no sistema defensivo. Seguro e competente.

– Airton: Não teve uma atuação de gala, mas fez um bom primeiro tempo. Jogador de extrema importância para o esquema, teve boa atuação.

– Bruno Silva: Começou com muita dificuldade por estar um pouco fora de posição, mas melhorou bastante no segundo tempo quando trocou de lado após a saída do Matheus Fernandes. Mais um que contribuiu com raça e vontade para o resultado.

– Matheus Fernandes: Fez um bom primeiro tempo e saiu por opção do técnico. Ganhamos um volante de extrema qualidade que tem muito futuro pela frente. Nível de seleção brasileira.

– João Paulo: Começou bem o jogo, mas o desgaste físico no segundo tempo foi comprometendo sua atuação no fim do jogo. Deu o chutão desnecessário que acabou iniciando a jogada do gol do Olimpia. Teve boa atuação e tem muito a crescer durante a temporada com a melhora física.

– Camilo: Fez uma partida muito ruim. Apesar de demonstrar vontade e espírito coletivo, pouco participou e teve baixíssima efetividade nas nossas jogadas de ataque.

– Pimpão: Tentou, correu, mas isolado no ataque pouco pôde produzir ofensivamente. Ajudou na recomposição defensiva e foi a luz de esperança nas nossas tentativas de ataque, porém pouco produtivo devido às circunstâncias.

– Gatito Fernández: Entrou para se consagrar. Enquanto a bola rolava fez algumas boas defesas sem rebater ou dar chances ao adversário. Não teve nenhuma culpa no gol e garantiu nossa vaga pegando três pênaltis. Piada pronta, nos classificou fazendo defesas como um gato.

– Gilson: Novamente entrou muito mal e após vê-lo em algumas partidas já me sinto confortável em opinar e concluir que foi mais uma má contratação. Mal colocado em campo, errando muitos passes e visivelmente fraco tecnicamente até tenta compensar com vontade e raça, mas apresenta muito pouco para que justifique sua utilização durante o ano.

– Guilherme: Muita correria e pouco raciocínio. Discordei completamente da sua entrada, pois precisávamos de alguma referência no ataque que segurasse a bola. Portanto, eu teria colocado o Roger ao invés dele.

– Jair Ventura: Escalação inicial perfeita. Time compacto, organizado e tranquilo na primeira etapa. Na volta do intervalo, errou nas substituições e quase complicou um jogo que parecia que não apresentaria tantas dificuldades. É claro que seus erros nesta partida não apagam todo o seu trabalho até aqui, mas especificamente nesta, quase pôs tudo a perder com escolhas infelizes.

Agora temos aí o Carnaval e 19 dias até a estreia na fase de grupos contra o Estudiantes dentro da nossa casa.

É a hora de quem ainda não se associou, se tornar um sócio torcedor do clube! Já pode preparar o mosaico enquanto nossos jogadores terão duas semanas de pré-temporada para recuperarmos o tempo perdido em janeiro por conta destas fases iniciais e melhorar a capacidade física da equipe para toda a temporada que se apresenta.

Parabéns a cada um dos alvinegros que apoiaram a equipe no Nilton Santos e também aqueles que sempre acreditaram mesmo que impossibilitados de ir seja pela distância ou qualquer outro motivo.

O gigante voltou e já chegou derrubando dois adversários de muita tradição.

Tremei Estudiantes, Atlético Nacional e Barcelona. O Botafogo está com fome de Libertadores e com um grupo unido e guerreiro!

Por fim, volto a te convidar a conhecer os novos planos de sócio torcedor do Botafogo. Por apenas R$ 13,90 mensais, você ajuda nosso clube e tem uma série de benefícios no plano básico.

Os novos pacotes tem os seguintes valores promocionais:

– R$ 14,00 (Plano Mensal – Direito a comprar ingresso com 50% de desconto)

– R$ 450,00 (Plano Anual – Arquibancada Sudeste)

– R$ 900,00 (Plano Anual – Arquibancada Oeste)

Para todos os jogos restantes com mando de campo do Botafogo no ano de 2017. Tem ainda os Planos VIP e Premium para a galera que quer mais conforto e exclusividade por valores mais elevados.

Associe-se em Sou Botafogo. O Botafogo somos nós e precisamos participar do processo de soerguimento do clube.

Saudações alvinegras! – Curta, comente e compartilhe!

Minhas redes sociais:

Twitter: @thiagoantunesc

Facebook: Nosso Escudo no Lugar do Coração

Instagram: @projetobrilhodasestrelas

Curta a página e coloque nos seus favoritos!

Se você gostou, espalhe esta coluna pelas suas redes sociais e nos ajude na divulgação deste espaço.

Sigo com minha bandeira na mão e nosso escudo no lugar do coração!

Bruno Antunes

Clique para Comentar

Newsletter

Anúncio Patrocinado

Facebook

%d blogueiros gostam disto: