Sai o chororô e entra o CHEIRORÔ!

Seja o primeiro a comentar

Há coisas que só acontecem ao Botafogo! Para o bem e para o mal.

Há 21 anos atrás o Botafogo, com o time completo de reservas, vencia o Framengo por 1×0, com gol de Renato Carioca. O Mais Fedido do Brasil tinha um suposto timaço, com Romário, Mancuso e outros mais queridinhos da grande mídia.

O Botafogo tinha um time guerreiro, desacreditado mas naquele jogo em particular achávamos que seríamos goleados. Afinal, era o time reserva. E contra tudo e contra todos, com o verdadeiro espírito botafoguense nós fomos lá e vencemos aquela histórica partida.

Luiz Fernando respondeu como tem que ser: Com irreverência, sem violência, sem mimimi e dentro de campo.

E ontem não foi diferente. Depois de uma merecida chinelada de 3×0 contra o Fluminense todos achavam que o Botafogo seria goleado contra o Flamengo.

Tolos descrentes. Os botafoguenses sabiam que essa vitória era nossa. Afinal, há 21 anos atrás vivíamos exatamente esse sentimento. O resultado foi o mesmo: 1×0, com gol de Luiz Fernando, que criou a provocação do “CHEIRORÔ”.

Torcer para o Botafogo é viver. Afinal, o Botafogo é como a própria vida: Cheio de altos e baixos, alegrias e tristezas. E para vencer a receita é amor, dedicação, luta e comprometimento.

Botafogo, nós te amamos! Obrigado por essa vitória incrível.

Publicado no dia

Deixe um comentário! 0